Pantanal se aproxima do ponto de não retorno, afirma estudo

Estudo alerta que o Pantanal está se aproximando do ponto de não retorno por conta da ocorrência de incêndios ambientais catastróficos. Nos últimos 20 anos, a probabilidade de ocorrência de grandes incêndios aumentou de 1,2% para 11% no Pantanal (número quase 10x maior), e deve continuar aumentando com o agravamento das mudanças climáticas, falta de…

banco de imagens-Canva

Desmatamento, hidrelétricas e outras ameaças ao Pantanal são temas de audiência pública

Hidrelétricas, destruição das nascentes, desmatamento e avanço das lavouras de soja com uso intensivo de agrotóxicos são ameaças constantes para o Pantanal e a cada dia fica mais eminente. Para discutir consequências de tudo isso no Rio Paraguai e no Pantanal foi realizada uma audiência pública e sessão especial conjunta da Assembleia Legislativa de Mato…

Quebrando o recorde de incêndios na maior e mais contínua área úmida tropical do mundo: necessidade urgente de MIF tanto para a biodiversidade como para as pessoas

Com intuito de alertar a sociedade, o governo e gestores ambientais sobre as circunstâncias e consequências dos mega incêndios de 2020 no Pantanal, pesquisadores publicaram o artigo “Record-breaking wildfires in the world’s largest continuous tropical wetland: Integrative Fire Management is urgently needed for both biodiversity and humans” na revista americana “Journal of Environmental Management”. O…

Conheça a Rede Pantanal, uma iniciativa em prol do bioma

Via Ecoa A Rede Pantanal é uma organização com larga história e formada por organizações não-governamentais, movimentos sociais, comunidades tradicionais e populações indígenas. Constitui uma importante referência para a sociedade civil, promovendo a participação e representatividade nos processos de planejamento e iniciativas relacionadas ao Pantanal e Bacia do Alto Paraguai. Sua criação deu-se às margens…

Decreto que impedia expansão da cana-de-açúcar no Pantanal e Amazônia é revogado pelo Governo

Via Giovana Girardi, O Estado de SP SÃO PAULO – O governo Bolsonaro revogou nesta quarta-feira, 6, o decreto que estabelecia o zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar e impedia a expansão do cultivo por áreas sensíveis do País, como Amazônia e Pantanal. O decreto 6.961, de 2009, foi um dos principais fatores que tornou o etanol…